Já estamos em 2017 e apesar do clima das resoluções do novo ano, Portugal vai acolher alguns dos espectáculos mais aguardados dos últimos anos.

Apesar de existirem concertos marcados dos mais diferentes géneros musicais, parece que 2017 será o ano do Rock (até parece que está contrariar a minha tese do “ano do Rap”)

Sem mais delongas, destaco os 5 concertos que, uma forma ou de outra, irão marcar o ano, mesmo que ainda falte meses para o início oficial da época “festivaleira”.

Aerosmith – Meo Arena

A banda de Steven Tyler, Joe Perry, Joey Kramer, Tom Hamilton e Brad Whitford regressam a Portugal para a “despedida” dos grandes concertos do Hard Rock norte-americano.

O concerto está integrado na digressão europeia «Aero-vederci Baby!» e contará com todos os grandes exitos dos Aerosmith. Baladas como «Crazy», «Cryin», «Janie Got a Gun» imortalizaram a banda nos tops de vendas, mas foi com «Sweet Emotion», «Walk this Way», «Love in a Elevator» ou «Eat the Rich» que deixaram marcam na História do Rock.

A última passagem pelo país aconteceu há 18 anos no extinto festival T99, que decorreu no estádio do Jamor. Para além de Aerosmith, o festival teve como cabeças de cartaz os Metallica e os Garbage, ao longo de três dias. Dito isto, dia 26 de Junho promete.

Guns n’ Roses – Passeio Marítimo de Algés

Foi um dos grandes regressos de 2016, que os fãs do Rock ansiavam desde os anos 1990. Em tempos “a banda mais perigosa do mundo”, os Guns n’ Roses têm encontro marcado com os fãs portugueses no dia 2 de Junho, no Passeio Marítimo de Algés.

Sensivelmente um ano depois da passagem do “monstro de Frankstein” dos AC/DC no mesmo local, Axl Rose volta a encontrar-se com os fãs portugueses, mas, desta vez, com a banda que o catapultou para a história do rock ‘n’ roll.

Agora com Slash e Duff McKagan da formação original, o concerto promete ser épico e de uma “vida”. «Welcome to the Jungle», «Paradise City», «Sweet Child O’ Mine» e «Don’t Cry» são todos temas que irão soar bastante alto, junto ao rio Tejo.

Red Hot Chili Peppers – Super Bock Super Rock

Depois de uma década de ausência em palcos nacionais, os Red Hot Chili Peppers vão estar presentes na Meo Arena, integrado no alinhamento do festival Super Bock Super Rock.

A banda de Anthony Kields, Flea e Chad Smith vêm apresentar os temas do novo disco «The Getaway», lançado no ano passado. A última passagem por Portugal foi no Rock in Rio, na altura ainda se encontrava John Frusciante na guitarra.

Agora com Josh Klinghoffer, os Red Hot continuam com uma carreira sólida com mais de 30 anos de estrada. Os concertos são enérgicos, com momentos recheados de improviso musical, graças ao talento musical de toda a banda.

Para juntar esta vivacidade em palco, os hinos como «Can’t Stop», «Californication», «Snow» ou «Give it Away» são todos exemplos que conseguem pôr pavilhões inteiros a cantar em uníssono. Sem dúvida que isso vai acontecer no dia 13 de Julho.

Sting – Meo Marés Vivas

O senhor “Police”, um dos mais acarinhados músicos da sua geração, é um caso sério onde o talento, dedicação e carisma são responsáveis de construir uma carreira sólida e respeitável. Sting, eterno baixista dos The Police» e dono de uma carreira a solo invejável, vai ao Porto no dia 16 de Julho apresentar o seu trabalho de originais «57th & 9th». Muito dos críticos da imprensa musical apontam o disco como um retorno às raízes mais “pop-rock” de Sting.

Sempre acompanhado por músicos de excelência, o concerto deve também incluir os maiores sucessos da sua carreira como «Englishman in New York», ou «Fields of Gold», sem esquecendo os anos dos Police como «Roxanne» ou «Message in a Bottle».

Esteve em Portugal, no Super Bock Super Rock em formato “best of” em recinto fechado, mas o concerto no Meo Marés Vivas, com a vista para o rio Douro, será definitivamente um dos concertos do ano.

Foo Fighters – NOS Alive

Liderados pelo “tipo mais simpático do rock” chamado Dave Grohl, os Foo Fighters voltam ao “local do crime” onde deram um espetáculo memorável em 2011. A banda será um dos cabeças de cartaz da edição de 2017 do Nos Alive, no dia 7 de Julho.

Desde o último concerto em terras portuguesas, a banda norte-americana editou «Sonic Highways» e lançou o documentário com o mesmo nome, que falam sobre os vários géneros musicais associados a cidades nos Estados Unidos.

Para além dos concertos de Verão agendados, a banda de Dave Grohl e companhia vai estar ocupada a preparar o um novo disco, o nono da carreira.

Reconhecidos e respeitados por toda a comunidade rock universal, os Foo Fighters prometem ser um dos grandes trunfos do festival, que decorre à 10 anos no Passeio Marítimo de Algés.

Texto: João Pardal